O concurso está aberto para duas bolsas de estudo para estudantes que desejem desenvolver investigação conducente a um grau de doutoramento.

A investigação em História, Diplomacia, Ciência Política, ou áreas afins, será realizada em Portugal, no Instituto Dipomático, explorando os fundos do Arquivo e Biblioteca do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal. A duração da bolsa de estudo é anual, renovável até um máximo de quatro anos. É financiada por fundos nacionais através da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), no âmbito de um Protocolo de Colaboração entre a FCT e o Instituto Diplomático.